CUIABÁ MAIS

Powered by WP Bannerize


Globo sofre duro golpe em direitos de transmissões

Terra Brasil Notícias

A Globo, que por décadas transmitiu com exclusividade os Jogos Olímpicos no Brasil, terá que dividir os direitos de transmissão da competição com outras empresas a partir de 2024. Segundoo site F5,da Folha de S.Paulo, adecisão, tomada para reduzir custos, foi confirmada pela emissora nesta quarta-feira (8).

O novo contrato com o Comitê Olímpico Internacional (COI) manteve o vínculo da Globo até 2032, mas a emissora perdeu a exclusividade para a TV por assinatura e as plataformas digitais. A partir de agora, qualquer empresa poderá negociar os direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos com o COI.

A CazéTV, canal do streamer Casimiro Miguel em parceria com a LiveMode, foi a primeira empresa a adquirir os direitos digitais dos Jogos Olímpicos de Paris 2024. A emissora anunciou que transmitirá 500 horas ao vivo da competição.

Na TV aberta, a Globo continuará transmitindo os Jogos Olímpicos, mas com uma programação reduzida. A emissora informou que exibirá 200 horas de transmissão, nas faixas da manhã e da tarde.

No SporTV, serão 24 horas de transmissão em 4 canais, com transmissões em 4k e um programa diário, Ça Va Paris, comandado por André Rizek. No Globoplay, os telespectadores terão 45 sinais ao vivo.

 

Gazeta Brasil

Fonte: www.terrabrasilnoticias.com


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário