reprodução arquivo / Twitter

Powered by WP Bannerize


Ana Castela ultrapassa Marília Mendonça e se torna artista mais ouvida em plataforma

www.movimentocountry.ig.com.br

Ana Castela se tornou a artista mais ouvida do Spotify deste último final de semana, ultrapassando até mesmo Marília Mendonça, artista que Ana possui muita admiração.

O levantamento que é divulgado pelo For Artists, da própria plataforma, demonstrou que a jovem foi o nome mais executado do dia, considerando as mais de 10 músicas que estão com a sua voz, entre elas Pipoco, Dona de Mim e Nosso Quadro, singles da famosa.

Além delas, também ajudaram no ranking as canções em parcerias de sucesso: Bombonzinho (Israel e Rodolfo), Eu Minto (Us Agroboy), Roça em Mim (Zé Felipe e Luan Pereira), Palhaça (Naiara Azevedo), Reverse (Hitmaker), As Menina da Pecuária (Léo e Raphael), entre outras.

Vale dizer que a artista está garantindo os frutos de muito trabalho nos últimos meses. Com agenda de shows lotada, a jovem de 19 anos detém mais de 11,8 milhões de ouvintes mensais no Spotify e 5 músicas no TOP 30 do ranking Brasil. Atualmente ela se prepara para lançar um novo hit ao lado de Pedro Sampaio.

Apesar do sucesso, Ana Castela se envolveu em polêmica após sua participação no programa “Faustão na Band”, após declarar que não se identifica com a música sertaneja. Assim sendo, a cantora que ganhou notoriedade nos rodeios e festas de peão em todo o Brasil, provocou revolta entre o público que acompanha de perto a sua carreira.

“Sou diferente”, alegou Ana Castela em programa da Band

Em entrevista ao comunicador, Ana Castela disse que não se identifica como uma cantora do sertanejo.

“Sou uma pessoa que gosta de Anitta, Luísa Sonza, gosto de tudo. Mas também gosto do meu estilo country. Eu não sou sertanejo. Quem é sertanejo é Marília Mendonça, é Maiara e Maraisa, Zé Neto e Cristiano. Eu sou Ana Castela, sou diferente. Gosto de diferente. Gosto de colocar um funk no meio do agro, um forró no meio do sertanejo, gosto de misturar muita coisa”, contou em entrevista no programa ‘Faustão na Band’.

Ela disse que a música que a fez ganhar projeção nacional, ‘Pipoco’, tem várias influências dentro da canção. “Se você não gosta de funk, não se preocupa. Entra no meu canal porque tem outro estilo de música para você escutar”, frisou.

“O meu pai e meus avós são todos de fazenda. Sempre fui criada em cima de um cavalo. Confesso que nunca fui de fazenda, mas sempre gostei muito, levava meus amigos”, relatou Ana Castela.

 

Fonte: www.terrabrasilnoticias.com


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário