reprodução arquivo / Twitter

Powered by WP Bannerize


“Não temos que pedir licença para governar”, diz Lula sobre atrito com o BC

www.terrabrasilnoticias.com

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse na manhã deste sábado (12.fev.2023) que não precisa “pedir licença” para governar. Essa pode ser entendida como mais uma declaração no contexto do atrito entre o governo e o Banco Central, apesar de o órgão não ter sido citado.

Lula disse, por meio de seu perfil no Twitter, que assumiu o governo em situação precária, mas que está otimista.

“Estamos trabalhando muito e não temos que pedir licença para governar. Temos que atender o povo brasileiro que acreditou em um programa que nos trouxe até aqui”, declarou o presidente.

Nos últimos dias, Lula está em atrito com o Banco Central e com o presidente do órgão, Roberto Campos Neto. O petista tem dito que a taxa de juros está muito alta (13,75% ao ano) e questionado a necessidade de autonomia da autoridade monetária.

Lula não pode simplesmente substituir o presente do Banco Central porque em 2021 Jair Bolsonaro (PL) sancionou projeto que conferiu autonomia ao órgão. Campos Neto tem mandato até 2024.

O presidente sugeriu aumentar a meta de inflação para ser possível baixar os juros sem o governo “arrochar”, nas palavras dele, as contas públicas.

Desagrada a petistas o fato de Campos Neto ter sido próximo a Bolsonaro. Fotografia divulgada na mídia mostrou o presidente do Banco Central em um grupo de Whatsapp de ex-ministros de Bolsonaro.

Além disso, aliados de Lula afirmam que o programa econômico do petista vai em direção diferente da atual taxa de juros e que esse programa venceu a eleição.

“Não foi essa política [monetária] aprovada nas urnas”, disse a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, na quinta-feira (9.fev).

Créditos: Poder 360

Fonte: www.terrabrasilnoticias.com


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário