Reprodução Facebook

Powered by WP Bannerize


Bolas paradas se tornam trunfo do São Paulo nesta temporada

ESPORTES R7

As bolas paradas vem sendo uma das armas do São Paulo nesta temporada. A equipe marcou oito gols que saíram após esse tipo de jogada, em dez partidas disputadas. Sendo que contra o São Bento, os três tentos do Tricolor foram de bola parada.

O primeiro gol surgiu após cobrança de escanteio de Wellington Rato e terminou com Galoppo balançando as redes. Depois, após uma cobrança de falta de Alisson, Pedrinho ampliou. Por fim, Patryck, cria de Cotia, cobrou mais uma falta, e dessa vez Calleri marcou o terceiro.

Se compararmos com outros anos do Tricolor, a equipe demonstrou uma grande melhora nesse ano no quesito, e muito se deve a Wellington Rato. O jogador, que tem como grande característica esse tipo de jogo, vem sendo fundamental para o São Paulo neste ano.

“É fruto de muito trabalho, a gente vem aprimorando, com o professor Charles também. A gente vem executando, dando muito certo. Escanteio, uma falta ali, é perigo para o adversário. É sempre ir buscando as jogadas por ali”, disse o jogador.

Outro que falou sobre o tema foi Rogério Ceni. O treinador exaltou o trabalho desempenhado por Wellington Rato e deu mais detalhes de como vem desenvolvendo a bola parada na equipe.

“A bola parada tem que ser muito preparada e o Charles (auxiliar-técnico) tem trabalhado muito. Sempre dou aqueles 20 minutos antes do treino para trabalhar finalizações, jogadas, combinações. Ele pega alguns jogadores para fazer essa marcação de escanteio. É essencial ter um bom batedor. Jogadores altos, que atacam bem a bola, seja em primeiro ou segundo pau. É fundamental. Rato tem sido essencial, o jogador que mais entrega desde a contratação porque ele tem decidido muito o jogo. É bom também com a bola rolando, compete muito”, analisou.

Fonte: ESPORTES R7


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário