Otmar de Oliveira

Powered by WP Bannerize


http://www.mt.gov.br

O deputado estadual reeleito, Gilberto Cattanoi afirmou que apoirá o PL, caso o seu partido peça a anulação das eleições gerais deste ano. Apesar do apoio, sob alegação de que houveram irregularidades na votação, Cattani diz que não irá renunciar ao mandato que lhe foi concedido nas mesmas urnas questionadas.

O parlamentar diz que a possibilidade do PL pedir anulação, veio da imprensa, mas que não existe nenhum comunicado oficial da legenda neste sentido.   “Eu acho que cabe sim [a anulação]. Cabe qualquer situação se por ventura acharem que existe alguma irregularidade cabe sim”, disse nesta quarta-feira (16).

Cattani diz que não teme ter que disputar novamente, mesmo o PL tendo eleito a maior bancada na Câmara Federal. “Nós queremos eleições limpas, isso é ganho pro país”, disse.   Questionado se ele renunciaria ao cargo, já que duvida da lisura do processo eleitoral, o parlamentar disse que não precisa renunciar e voltou a questionar sem provas a eleição.

“Tudo o que aconteceu e que está na mídia. Você tem, por exemplo, lugares onde o Bolsonaro não teve nenhum voto, você tem você tem as inserções, você tem um monte de coisas aí que não estão explicadas. O próprio código fonte, por que que não entrega? Se não deve nada, não tem nada a temer”, completou.

Sobre o silêncio do presidente Bolsonaro desde que foi derrotado no dia 30 de outubro, Gilberto Cattani diz apoiar, e que é melhor Bolsonaro manter o silêncio. “Às vezes é melhor permanecer em silêncio do que falar”.

As denúncias apresentadas durante as eleições não possuém provas comprovadas. Já o pedido de anulação das eleições parte de um relatório preliminar de um Instituto contratato pela legenda, e que foi vazado na imprensa. Nele o instituto teria apontado mau funcionamento de urnas antigas e concluído que não é possível validar os resultados gerados pelos equipamentos em 2009, 2010, 2011, 2013 e 2015.   Porém, o presidente nacional da legenda, Valdemar da Costa Neto, disse que o relatório não está finalizado e que seria ‘obsoleto’.

Fonte: http://www.mt.gov.br


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário