reprodução arquivo / Facebook

Powered by WP Bannerize


Elon Musk se compromete a analisar casos de brasileiros banidos do Twitter

revistaoeste.com

O empresário Elon Musk disse que vai analisar os casos de censuras prévias impostas contra brasileiros por decisão dos gerenciadores do Twitter. Ele é o novo controlador da plataforma. Assumido na noite do domingo, 6, o compromisso veio em resposta a questionamentos realizados por usuários do Brasil na rede social.

“Vou olhar isso”, disse o empresário, depois de ler as mensagens. Inicialmente, o bilionário fez uma postagem afirmando que o poder é do povo.

 

Ao ver a mensagem, a jornalista Fernanda Salles, da Gazeta do Povo, citou o nome de diversos brasileiros que tiveram perfis censurados em redes sociais. Na lista, estão empresários, jornalistas, políticos e até cantores.

Josiano Padovani, outro usuário da rede social, também se manifestou na postagem de Musk no Twitter. Ele comentou que a plataforma “vem impondo uma censura ideológica draconiana ao direito de liberdade de expressão do povo brasileiro” e desafiou o novo dono da rede social a levantar-se contra a censura.

 

Ao deparar com a sequência de respostas, ele questionou Padovani. “A que censura você se refere?”, escreveu.

A essa altura, Paulo Figueiredo, comentarista político brasileiro, entrou no debate. Ele disse que a plataforma impôs uma censura própria espontaneamente.

 

“É claro que o Twitter precisa obedecer às decisões do ‘Tribunal’ brasileiro”, escreveu Figueiredo. “Mas a empresa foi além, impondo espontaneamente sua própria censura, ainda mais rigorosa do que a de nossos Tribunais falhos. Seus moderadores estão sendo mais ditatoriais do que nossos próprios Tribunais!”

Fonte: revistaoeste.com



O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário