Powered by WP Bannerize


Neymar chama processo de difamatório e fala que acusações eram tendenciosas

Após a Promotoria da Espanha retirar todas as acusações contra Neymar, o craque brasileiro não possui mais problemas com a justiça do país. Em comunicado publicado por sua assessoria de imprensa, o camisa 10 da seleção afirmou que o caso se pautava em versões angularizadas do grupo DIS — donos de 40% dos direitos econômicos do atacante na época da transferência do Santos para o Barcelona.

“Quase dez anos da transferência e de todas as tentativas difamatórias, tendenciosas e negligentes dos acusadores particulares, que causaram dano reputacional incalculável, o caso está definitivamente encerrado”, menciona a nota.

O anúncio também explica que a decisão da Justiça espanhola é a mesma tomada pela Fifa e pelo Tribunal Arbitral do Esporte, o CAS. Esses são os órgãos máximos do futebol e aprovaram a legalidade no processo de transferência de Neymar do Santos para o Barcelona.

Além de Neymar, os pais do jogador, Neymar e Nadine, a empresa N&N Consultoria, os ex-presidentes do Barcelona Sandro Rosell e Josep Maria Bartomeu e o ex-presidente do Santos Odílio Rodrigues Filho sofreram com acusações. Como mencionado no comunicado da assessoria, todas as partes envolvidas, além de testemunhas e peritos realizaram declarações. Com as provas, a Promotoria retirou a acusação.

Nas redes sociais, o pai do jogador publicou uma foto do jogador e escreveu: “Esta história finalmente chega ao fim. Acusações de todos os lados. Ganância, empresas sem ética e parte da imprensa mal-intencionada. Foram anos de ataques realizados por interesses financeiros ou meramente com a intenção de destruir a imagem e a história de um dos maiores atletas do futebol brasileiro e do mundo”.

 

 

O jogador compatilhou a postagem do pai e não deu mais declarações sobre o assunto, apenas mencionou estar pronto para o próximo jogo do Paris Saint-Germain, que acontece neste sábado (29), contra o Troyes.

Fonte: Gazeta Digital


Powered by WP Bannerize


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário